Por que meu site está lento?

Quem tem um site, sabe que em algum momento ele pode apresentar lentidão. A única diferença é que alguns podem apresentar este tipo de problema com mais frequência que outros, mas é quase inevitável que um dia isso venha ocorrer. Algumas razões podem ser evitadas, outras não. Saiba quais as principais causas de lentidão no site e como resolver, quando estiver ao seu alcance.

Quais os motivos de lentidão em um site?

A lentidão de um site pode ser atribuída a uma lista razoavelmente extensa de possíveis razões. Algumas mais simples e outras nem tanto. Algumas podem estar ao seu alcance resolver, outras não. Portanto, vamos dar um enfoque maior naquilo que cabe a você tratar, já que por razões óbvias não adianta nos estendermos muito em aspectos que fogem ao seu controle, mas citaremos para que saiba que outros motivos podem influenciar a velocidade de acesso ao site.

Começaremos listando os aspectos cuja solução são 100% originárias do seu site, ou seja, os problemas internos e desta forma você não depende de terceiros para resolver:

Plugins

Se seu site é baseado em algum CMS – e a maior parte hoje em dia é – então você tem certamente alguns plugins instalados, os quais são responsáveis pelo funcionamento do site e pelos recursos que você disponibiliza aos seus visitantes.

Há normalmente dois tipos de problemas relacionados aos plugins:

  • O primeiro problema relacionado pode ser a quantidade de plugins instalados no seu CMS. Não é raro encontrar sites baseados no WordPress, por exemplo, com 20 ou mais plugins instalados. Quando você utiliza uma hospedagem compartilhada padrão para hospedar site baseado no WordPress, com tantos plugins, invariavelmente você terá problemas de desempenho. Isso porque hospedagens convencionais não são destinadas a sites tão pesados;

  • O segundo problema, pode ser algum plugin que você tenha instalado. Ocorre que algumas empresas ou desenvolvedores de plugins, não elaboram uma programação otimizada e levando em conta o bom desempenho, fazendo com que o plugin consuma recursos (memória e processamento) em excesso quando é utilizado. Quando esgotam-se os recursos, podem ocorrer mensagens de erro e lentidão no site.

Temas

Da mesma forma que os plugins, os temas são fundamentais nos CMSs. Embora menos comum, também pode ser a razão da lentidão observada no site. Há temas que fazem alterações substanciais no layout do WordPress ou de outros CMSs, interferindo no tempo de carregamento das páginas.

Componentes de terceiros

Há componentes de terceiros e que são inclusos em alguns temas e plugins, como por exemplo, fontes externas e que podem interferir significativamente no desempenho, quando o seu carregamento, ou seja, o servidor de onde são baixados, tem algum problema de lentidão.

Banco de dados

Os bancos de dados são parte fundamental de todos os CMSs modernos. Componentes e plugins, bem como o próprio núcleo da aplicação, utilizam extensivamente o banco de dados para armazenar informações relativas ao site. Com o tempo e o crescimento do site, o banco de dados também vai crescendo e às vezes torna o banco de dados muito grande ou com alguns erros, os quais afetam o desempenho do site.

Programação

Sites que são desenvolvidos a partir de programação de agências ou de web designers, assim como no caso dos plugins e temas, também podem apresentar alguns problemas ou erros na estrutura lógica, acarretando degradação do desempenho do site. Este problema pode trazer outras consequências, quando uma programação falha alimenta o banco de dados com informações incorretas ou mesmo em demasia, uma situação que não é rara principalmente em ocorrências de segurança, como spam.

Ataques

Embora geralmente ataques sejam uma causa de problema que você não tem como controlar, há alguns casos em que o ataque ao site ou o seu uso para atacar outros sites, é decorrente do uso de um plugin comprometido ou com falhas de programação. Se for este o caso, então há o que você possa fazer.

Lentidão acarretada por terceiros

Há problemas de lentidão que não residem propriamente no conteúdo do seu site, mas acontecem por fatores externos, os quais ou você não tem o que fazer ou depende de terceiros:

Ataques

Muitos casos de ataque a sites ou a servidores - como é o caso de ataques de DDoS - constituem situações totalmente alheias ao conteúdo que você tem em seu site. Nesses casos é uma questão que deve ser resolvida pelo datacenter e pela empresa de hospedagem em que você tem o seu site;

Conexão / rota

Alguns problemas de desempenho do site, estão relacionados com problemas da sua conexão com Internet, mais especificamente com a rota de dados entre o ponto em que você está localizado e a localização geográfica de onde seu site está hospedado. Se existir algum problema em alguma sub-rede entre estes dois pontos, você terá lentidão.

Visitação

Se por alguma razão, como por exemplo, uma campanha de impulsionamento, seu site pode apresentar um pico de visitação. Normalmente planos de hospedagem compartilhada não são adequados para sites que apresentam volumes elevados de visitação, nem mesmo eventualmente, pois nos momentos de pico, os recursos (memória e processamento) esgotaram-se, acarretando a lentidão.

Diagnóstico e solução da lentidão

É importante saber como proceder, principalmente nos casos em que a lentidão está relacionada ao conteúdo do site. A seguir vamos listar os procedimentos básicos que devem ser adotados para cada uma das situações mais comuns definidas anteriormente, ressaltando que em alguns casos mais críticos, pode ser necessário buscar a ajuda de um profissional experiente e habilitado:

Plugins

Se você instalou um plugin recentemente e a partir daí identificou a lentidão, então provavelmente ele é o causador, bastando desativá-lo.

Todavia, se a causa da lentidão é devida ao excesso de plugins, desative todos, exceto aqueles que são essenciais ao funcionamento e aos principais recursos do site e navegue no site para ver o seu desempenho. Feito isso, ative um a um os demais plugins e após cada ativação navegue para identificar aquele cuja ativação acarretou a degradação do desempenho.

Caso você não possa abrir mão da quantidade de plugins que você tem instalado no seu CMS, necessariamente você terá que buscar um plano de hospedagem personalizado ou desenvolvido especialmente para hospedar sites mais pesados

Temas

De maneira similar ao que você fez com os plugins, procure ativar o tema padrão do seu CMS e observe se houve mudança significativa na velocidade de navegação. Sendo esta a causa do problema, é conveniente que você busque um tema mais leve ou a mudança para um plano de hospedagem personalizado ou destinado a sites mais robustos.

Programação

Se o problema for relacionado a programação, seja ela do seu CMS, ou a que foi feita por quem criou o seu site, ou até mesmo por você, um bom indicativo de onde reside o problema, são os logs de erros. Neles são armazenadas as mensagens de erro e a partir de sua interpretação, pode-se identificar um problema na programação.

Mas nem todo problema de lentidão decorrente de programação pode acarretar necessariamente em um erro. Nestes casos é necessário um programador experiente, que irá depurar o código em busca de situações que podem estar acarretando a lentidão.

Bancos de dados

Bancos de dados muito grandes ou com erros em tabelas, precisam passar por procedimentos especiais, no entanto, em alguns casos extremos podem não ser suficientes e então é necessário recorrer a um especialista. Nas situações mais simples e corriqueiras, basta realizar-se uma reparação de tabelas e otimização do banco de dados, recursos normalmente disponíveis no painel de controle da sua conta de hospedagem.

Ataques

O procedimento para solucionar lentidão decorrente de ataque, é semelhante ao utilizado nos plugins com problemas de programação, ou seja, você tem que desativá-los e desinstalá-los, pois em casos específicos, a simples desativação não é suficiente.

O problema neste caso é identificar qual plugin é o causador do problema. Geralmente a empresa de hospedagem é capaz de informar o arquivo de onde partem ou chegam requisições excessivas e assim saber qual o plugin desativar.

A importância do backup

Toda alteração que foi feita no site, seja na instalação de plugins, componentes, temas, otimização do banco de dados, deve ser precedida por um backup.

Algumas alterações, principalmente as mais extensas, estão mais sujeitas a problemas de perdas ou corrompimento de dados e assim é fundamental dispor de um backup atualizado relativo ao momento anterior à alteração, de forma que se possa restituir o conteúdo original rapidamente.

Conclusão

Há basicamente duas causas de lentidão de um site: interna e externa. Quando a causa de lentidão é interna, ou seja, relativa ao conteúdo do próprio site, há procedimentos que podem ser realizados facilmente e sem exigência de conhecimento técnico avançado, resolvendo o problema de lentidão. Nos casos externos é necessário se recorrer aos terceiros que são parte integrante da causa da lentidão.

Comentários ({{totalComentarios}})